Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casepaga

casepaga

30.01.15

QUERIA DEZ MINUTOS DE FAMA MAS SÓ TEVE QUATRO - Um homem armado entrou num dos estúdios de televisão do canal holandês NOS exigindo dez minutos de antena. Ao fim de quatro, foi detido pela polícia.


antonio garrochinho

Queria dez minutos de fama, mas só teve quatro

Um homem armado entrou num dos estúdios de televisão do canal holandês NOS exigindo dez minutos de antena. Ao fim de quatro, foi detido pela polícia.
Imagem retirada do Youtube
Um homem armado entrou esta quinta-feira num estúdio do canal de televisão holandês NOS. O homem, de fato escuro e gravata, entrou em cena pouco depois do início do noticiário das oito, transmitido em direto.
O invasor entrou no estúdio levando consigo um refém, a quem prometeu que nada iria acontecer. Falando calmamente para as câmaras, disse representar um grupo de hackersde acordo com a France-Presse, e pediu dez minutos de tempo de antena. Pouco tempo depois, foi dominado pela polícia e detido.
À BBC, Jan de Jong, diretor do canal, explicou que o homem queria entrar no estúdio principal, mas o segurança levou-o para um estúdio mais pequeno, onde são filmados os noticiários. Ainda de acordo com Jong, o homem tinha uma lista de exigências, mas não se sabe exatamente quais seriam as suas intenções.Segundo o relato feito pelo próprio canal, o homem afirmou que aquilo que tinha para dizer dizia respeito a “assuntos muito grandes”, até mesmo “mundiais”, e que tinha sido contratado pelos serviços de inteligência.
O homem entregou ainda à equipa de produção uma carta, onde ameaçava ter uma bomba. No mesmo texto, publicado no site do NOS (em holandês), este escreveu que, caso o impedissem de ir para o ar, tinha uma equipa de 98 “hackers” a trabalhar consigo.
“Quando ler isto, não entre em pânico. Não comece a gritar e não avise os seus colegas. Aja como se nada estivesse a acontecer. Estou fortemente armado. Se cooperar connosco, nada irá acontecer. Fique ciente de que não estou sozinho. Há mais cinco, e ainda 98 hackers, preparados para um ciberataque. Para além disso, existem oito explosivos espalhados pelo país. Contêm material radioativo. Se não me levarem ao estúdio 8 para poder controlar o canal, teremos de entrar em ação. Não quer ter isso na sua consciência, pois não? Então leve-me ao estúdio 8, ao estúdio NOS”.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.